Google+

sábado, 20 de janeiro de 2018

Realismo de hoje????? Matéria deste blogueiro


Já tive oportunidade de presenciar gente desse tipo, pessoa vazia de mente e sem saber se um mandatário, no que lhe compete, pois lhe passaram essa tarefa, mas o mesmo deslumbrou e valorizou o sucesso material e estava centrado em seu, “SER”, subindo no pedestal, e este sentido influenciou todo o resto, trabalho, relações, utilização de tempo, resumindo, não tinha vocação.
Deixou marcas por onde passou e ainda engana muita gente, com sua conversinha de planos não realizáveis, pois criatividade nenhuma, cinismo muito, se este tipo de pessoas ao qual ele deveria comandar para uma melhor atividade, à qual nós comandados devemos dedicar. Saberia o prazer de viver e contribuir na sociedade em que vivemos relações mal resolvida por picuinhas no trabalho mal administrado, transforma o gosto de construir em peso que se carrega, sem vontade. É como se essa pessoa distorce, transmite e abafa os fatos, para isto ela tem vocação. Também sei que ela fala que o “Pé na bola” é isso e aquilo, mas é porque não me conhecem,porém graças ao meu avô que todo mundo conheceu, tenho uma personalidade, pois ele sempre me dizia, “não se constrói muita coisa sendo passivo, aceitando tudo sem protesto, quem não se decide com firmeza realiza pouco, pois na vida quem se acostuma com o errado nem estranha mais”.
Infelizmente muitas pessoas não gostam quando um subordinado emite opinião, isto parece que está tirando sua autoridade, mas não é assim, outros passam por cima e sabem que opinar não tira hierarquia, subordinado não pode nem deve ficar mudo e surdo puxando saco, dizendo sim senhor, não senhor, por isso que muita gente não gosta de ouvir a verdade e condena o “ Pé na Bola”, por emitir opinião em tudo que vê e sempre vai opinar, isto já faz parte da sua personalidade, pois quando não tem razão sabe reconhecer o erro com alguém, mas continua sem saber usar o artifício de pucha saco de patrão.
Existe muita gente que não gosta do “Pé na Bola” não posso fazer nada, este é o meu modo de ser, porém não posso aceitar um desequilibrado ofender minha honra particular ou familiar, pois o resto à gente corre atrás, afinal omissão não é comigo

                  Pé na bola
Postar um comentário

Postagem Mensal

As dicas para o desapego 10 (dez)

DESAPEGO: Que tal desapegar de tudo e de todos? Aqui vão algumas dicas para vocês que não aguentam mais se apegar e se decepcionar mui...